sábado, 22 de março de 2014

Morre o humorista Canarinho, da "Praça é Nossa"; veja


Aloísio Ferreira Gomes, mais conhecido como o Canarinho de "A Praça é Nossa", faleceu nesta sexta-feira (21). Ele sofreu um infarto agudo do miocárdio no último domingo (16), e estava internado no hospital Santana, em Mogi das Cruzes (SP), mas não resistiu



Aloísio Ferreira Gomes, mais conhecido como o Canarinho de "A Praça é Nossa", faleceu nesta sexta-feira (21). Ele sofreu um infarto agudo do miocárdio no último domingo (16), e estava internado no hospital Santana, em Mogi das Cruzes (SP), mas não resistiu.
Canarinho nasceu em Salvador no dia 29 de dezembro de 1927. Começou sua carreira em 1947, se mudou para São Paulo em 1955 e em 56 passou a fazer parte da “Praça da Alegria”, de Manoel de Nóbrega, que mais tarde viria a se tornar “A Praça é Nossa”, comandada pelo filho de Manoel, Carlos Alberto de Nóbrega.
O humorista participou de quase toda a história do humorístico, mas entre os anos 70 e 80 esteve na primeira versão do “Sítio do Picapau Amarelo”, onde viveu o Garniz.
Também atuou em novelas, como as primeiras versões de “Meu Pecadinho de Chão” e “Sinha Moça”. E foi redator, escrevendo para o “Programa Show Canarinho”, “Domingo é Dia”, entre outras atrações. E no cinema, participou de “Nos Tempos da Vaselina” (1979) e outros dez filmes.
No último domingo (16), coincidentemente, Canarinho apareceu em um depoimento no programa “Eliana”, que homenageou os 60 anos de carreira de Carlos Alberto. Na ocasião, Eliana chegou a falar que as portas da atração estavam abertas para ele.
Na telinha

Comentários
0 Comentários

Nenhum comentário :

Postar um comentário